(10/08/2010) IPHAN lança Banco de Dados dos Bens Culturais Registrados

O Decreto 3551/2000, que instituiu o Registro de Bens Culturais de Natureza Imaterial e cria o Programa Nacional do Patrimônio Imaterial- PNPI, completou dez anos no dia 4 de agosto. Para celebrar a data e dar total transparência aos processos de registro do patrimônio cultural imaterial, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN está lançando o Banco de Dados dos Bens Culturais Registrados - BCR. A partir de hoje, 10 de agosto, as informações estão disponíveis no sítio eletrônico do IPHAN (http://www.iphan.gov.br/bcrE/pages/indexE.jsf), com acesso livre para a população e com as principais informações a respeito do patrimônio cultural imaterial já registrado no Brasil.

De acordo com a diretora do Departamento do Patrimônio Imaterial do IPHAN, Marcia Sant’Anna, através do portal será possível ter acesso a informações detalhadas sobre o tema e com os principais documentos que compõem o processo de registro de cada um dos bens já reconhecidos como Patrimônio Cultural do Brasil. Marcia Sant’Anna ressalta que o BCR é “mais um importante instrumento de divulgação de todo o conhecimento produzido a respeito desses bens culturais”. Ela lembra ainda que qualquer pessoa, em qualquer lugar, poderá acessar o banco de dados e obter informações mais aprofundadas sobre a Cultura brasileira.

Os comandos do BCR são simples e objetivos, possibilitando uma navegação fácil e direcionada. É possível pesquisar os bens registrados por região geográfica, por categoria, por ordem alfabética ou pela cronologia dos registros e ter acesso aos dossiês, fotografias, vídeos, músicas e pareceres técnicos e jurídicos dos processos correspondentes. Também há informações sobre a política federal de salvaguarda do patrimônio imaterial, com acesso à legislação pertinente e aos instrumentos técnicos e normativos elaborados para a sua consecução.

Fonte: http://www.cultura.gov.br/site/2010/08/10/patrimonio-imaterial-5/